Diabetes: Os cinco sintomas menos conhecidos


Nem todos os sintomas da diabetes são facilmente reconhecidos pelas pessoas.

A diabetes é uma doença que se apresenta quando os níveis de glicose no sangue se encontram perigosamente elevados. Quando acontece, pode danificar os olhos, os rins e os nervos.


Nem todas as pessoas que são diagnosticadas com diabetes apresentam os sintomas habituais tais como, por exemplo,  sede, dormência nas mãos ou nos pés, perda de peso inexplicável e necessidade constante de urinar.


Eis cinco possíveis sintomas menos comuns de diabetes:


1. Irritação na pele


Um dos sintomas pouco conhecidos da diabetes ocorre quando a glicose no sangue está acima dos valores saudáveis e a pele se torna mais seca, provocando ainda comichão.


Pode sentir coceira nas mãos, nos braços, nas pernas e nos pés.


2. Ressonar


Devido a problemas relacionados com transtornos respiratórios, ao dormir os níveis de açúcar no sangue podem tornar-se mais elevados. Esta condição é conhecida como apneia do sono.


Pode ser um fator predominante para o desenvolvimento de diabetes, na medida em que são provocados por pausas na respiração devido ao relaxamento da musculatura que estreita as vias respiratórias.


Quando os roncos surgem, dificultam a entrada de oxigênio nos pulmões e, com isso, interrompe-se a cadeia de metabolismo da glicose. 


3. Cabelo seco ou caspa


Quando há excesso de açúcar no sangue, o corpo procura um modo de eliminá-lo através da urina, o que é o comum.


No entanto, às vezes, ao eliminar o líquido em excesso, outras zonas do corpo são afetadas pela desidratação. O que cria escamas no couro cabeludo.


Também causa dermatite seborreica, conhecida comumente como caspa. Como a pele é o maior órgão do corpo, pode ainda estender-se a todo o couro cabeludo.


Além disso, o estado inflamatório desta área traz as condições propícias para o aumento do fungo Pityrosporum, causador da caspa.


4. Problemas de audição


Diversos estudos demonstraram que a perda de audição pode ser um indicador da diabetes.


As pessoas com um nível de açúcar elevado no sangue estão mais propensas a terem alguma lesão auditiva do que aqueles com níveis de glicose saudáveis.


Tal acontece por que os níveis de glicose muito altos danificam os nervos do ouvido interno e os vasos sanguíneos, alterando o seu funcionamento.


5. Alterações na visão


A diabetes produz mudanças nos fluídos do corpo e isso também afeta o sentido da visão.


Alguns pacientes, antes de serem diagnosticados com diabetes, começam a ver melhor.


De repente, deixam de fato de precisar de lentes de correção. Quando isso acontece, a melhoria não é permanente. Uma vez estabilizados os níveis de glicose, o paciente volta a ter a necessidade de usar lentes.


Mas não se alarme, isso não é uma retinopatia diabética. A retinopatia diabética faz com que os vasos sanguíneos atrás dos olhos se obstruam.


Nas etapas mais precoces da diabetes, o olho não tem a capacidade de focar bem porque os níveis de glicose no sangue encontram-se muito altos. Isso pode provocar mudanças de formato dos olhos, mas não quer dizer que irá perder a visão devido à diabetes.


Depois de algum tempo, os níveis de açúcar estabilizam e não terá problemas enquanto os mantiver em equilíbrio.


Se notar todas estas mudanças em, somados aos sintomas comuns, procure um especialista médico para receber um diagnóstico e tratamento adequado.


Por: Liliana Lopes Monteiro

Em: https://www.noticiasaominuto.com/lifestyle/1264260/os-cinco-sintomas-da-diabetes-menos-conhecidos

0 visualização
Método mpant®
LogoNovoTransparente.png

Visite nosso BLOG

Blog9.png

© 2017 por mpant®