Diabetes: Mais da metade da população do país vive uma vida sedentária e com excesso de peso


A dica é optar por exercícios simples e prazerosos para evitar a doença. Foto: Divulgação

Com o aumento do consumo de calorias e a diminuição na frequência das atividades físicas, o número de pessoas com excesso de peso cresce no Brasil


No dia 11 de outubro foi comemorado o Dia Mundial do Combate à Obesidade. Porém, dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que mais de 100 milhões de pessoas no Brasil não praticam nenhuma atividade física, o que seria um fator primordial para combater problema.


Isso mostra que mais da metade da população do país vive uma vida sedentária e com excesso de peso. 


Quem faz parte dessa realidade, mas pretende mudar os hábitos e levar uma vida saudável deve investir em exercícios e melhorar a alimentação. A orientação é do profissional de educação física Maiky Recke.


Segundo o professor, o estilo de vida não saudável e, consequentemente, o excesso de peso corporal podem causar obesidade, diabetes e até doenças cardiovasculares. “Os exercícios físicos auxiliam na prevenção dessas doenças, fazem bem para o cérebro, trazem sensação de bem-estar e aumentam a capacidade de memória, aprendizado e raciocínio.


Mas o ideal é que a prática seja iniciada ainda na infância e continue ao longo da vida, e não apenas quando estiver acima do peso, como muitos fazem”, afirma.


Embora a obesidade também esteja relacionada a fatores genéticos, há grande influência dos padrões inadequados e sedentários da população. Alimentos industrializados, gordurosos e com alto índice de açúcar estão cada vez mais presentes no cardápio de muitos brasileiros.


Além disso, a rotina acelerada faz com que as pessoas tenham menos tempo livre, o que faz o consumo de calorias aumentar, e a frequência dos exercícios físicos diminuir.


Segundo Maiky, o primeiro passo é escolher um exercício prazeroso e começar aos poucos.


“O processo pode ser lento, mas sempre será recompensador. Com a ajuda de um profissional e orientação médica, os resultados chegam e o estilo de vida será muito satisfatório”, completa.


Por: Redação Folha Vitória

Em: https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/10/2019/mais-da-metade-da-populacao-do-pais-vive-uma-vida-sedentaria-e-com-excesso-de-peso

Método mpant®
LogoNovoTransparente.png
Blog9.png

© 2017 por mpant®